Alpha News

15/05/2018 - Logistica reversa de lampadas

Logistica reversa de lampadas
Com a finalidade de realizar a coleta, destinação ambientalmente correta e a descontaminação desses resíduos, está funcionando em 21 estados do País e no Distrito Federal o programa da Reciclus (Associação Brasileira para a Gestão da Logística Reversa), organização civil sem fins lucrativos, criada pelos principais produtores e importadores de lâmpadas, para atuar como Entidade Gestora do processo, seguindo um modelo de operação autossustentável.

O programa Reciclus é uma iniciativa que envolveu diversos segmentos da sociedade e atende à determinação da Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), a Lei Federal nº 12.305/2010, que fala na responsabilidade compartilhada pelo ciclo de vida dos produtos e na logística reversa (LR) como soluções para o descarte correto de itens que podem causar danos ao meio ambiente.

Participam do programa as seguintes lâmpadas de uso doméstico: fluorescentes compactas e tubulares; a vapor de mercúrio, sódio ou metálico; e luz mista.

A Reciclus implantou, até o mês de março de 2018, um total de 327 pontos de entrega em 65 cidades, mas o número cresce a cada semana. Ao longo de 2017, mais de 29 toneladas de resíduos foram recolhidas, totalizando mais de 198 mil unidades de lâmpadas.

Pontos de coleta
A implantação dos pontos de coleta segue os critérios técnicos indicados no Acordo Setorial, como número de habitantes, área urbana, densidade populacional, domicílios com energia elétrica, poder aquisitivo, infraestrutura viária e acessibilidade.

O processo de separação dos componentes utiliza tecnologia avançada, sob circunstâncias especiais e em ambiente controlado, para que não haja a contaminação do ambiente e das pessoas que operam os equipamentos.

Basicamente, separam-se os componentes de metal (terminais de alumínio, soquetes, e estruturas metálicas), o vidro (em forma de tubo, ou outra), o pó fosfórico (pó branco contido no interior) e, principalmente, o mercúrio, que é extraído e recuperado em seu estado líquido elementar.

É possível utilizar os resíduos na fabricação de vários outros produtos: vidros na produção de novos vidros para uso não alimentar; pinos de latão que podem ser fundidos e utilizados para produção de novos materiais; e pó fosfórico que, uma vez livre do mercúrio, pode ser reutilizado em fábricas de cimento ou asfalto.

Fonte: O Setor Elétrico



Mais Alpha News

  • Plantio de soja no Brasil avanca com tempo favoravel
    20/09/2018
    Plantio de soja no Brasil avanca com tempo favoravel
    Produtores brasileiros estao acelerando o plantio de soja e milho da nova safra nesta semana com as condicoes do tempo favoraveis e uma projecao positiva do mercado.
  • Petrobras amplia para 92% sua fatia no mercado de diesel
    18/09/2018
    Petrobras amplia para 92% sua fatia no mercado de diesel
    Desde que o governo instituiu o programa de subvencao ao oleo diesel, em junho deste ano, a participacao da Petrobras nas vendas pulou de 63% em janeiro para 92% em julho segundo dados divulgados pela ANP.
  • Demanda global por petroleo deve superar 100 mi bpd, mas cenario traz incertezas, diz IEA
    13/09/2018
    Demanda global por petroleo deve superar 100 mi bpd, mas cenario traz incertezas, diz IEA
    Expectativa pressiona os precos, embora crises em mercados emergentes e disputas comerciais possam ameacar essa demanda segundo a Agencia Internacional de Energia (IEA).
  • Petrobras vai encerrar 2018 com divida liquida 19% menor
    11/09/2018
    Petrobras vai encerrar 2018 com divida liquida 19% menor
    Dado consta na apresentacao do "Petrobras Day", evento voltado a investidores realizado ontem, em Sao Paulo, com a presenca do presidente da estatal, Ivan Monteiro.
  • © Alpha Equipamentos Elétricos Ltda - Todos os Direitos Reservados
    Home  |  Contato  |  Mapa do Site  |  Política de Privacidade